Governo da Cidade de Embu das Artes

Você está aqui: Página Inicial » Notícias

Caixa: Mais informações sobre a mudança

Durante um ano, servidor não pagará taxa de manutenção da conta corrente

Até dia 15 de setembro, terça-feira, todos os funcionários vão receber uma carta da Caixa Econômica Federal (CEF), em seu local de trabalho, comunicando o dia e o horário em que deverão comparecer a uma das agências de Embu das Artes, Centro ou Jardim Santo Eduardo, conforme o bairro onde mora. Quem estiver de férias poderá comparecer em outra data para assinar o documento e quem não receber o comunicado até a data (15/9), deve entrar em contato com a agência Embu  pelo telefone 11 3206-7114.

Um esquema especial já está sendo montado para que os funcionários recebam um atendimento de qualidade e personalizado. A chamada será feita por ordem alfabética. A Caixa espera atender 370 pessoas por dia na agência do Centro e 100 pessoas na agência do Jardim Santo Eduardo. Na unidade do Centro, 20 gerentes estarão à disposição dos servidores. No Jardim Santo Eduardo serão 10 profissionais. O horário de atendimento também será ampliado para garantir mais agilidade. As agências funcionarão das 9 às 18 horas. No ato da assinatura da conta, o servidor vai receber o cartão e cadastrar a senha. Para abertura da conta, é necessário levar os seguintes documentos originais: RG, CPF, comprovante de residência em nome do funcionário e o último holerite.

A Caixa Econômica Federal oferecerá um ano de isenção na taxa de manutenção da conta corrente. Após este período, os servidores terão 20% de desconto na cesta de serviço em que for optar.

Os trabalhadores da Frente de Trabalho da Prefeitrua de Embu terão uma Conta Fácil (modalide de conta para quem ganha até R$ 1.000,00, não podendo exceder este valor ao receber o pagamento do décimo terceiro e férias) e cartão com opção de débito. Antes, o pagamento era feito na boca do caixa e o saque tinha de ser integral.

A Caixa comprometeu-se a oferecer as melhores taxas de empréstimo do mercado. Além disso, também está no topo da lista das empresas que mais fazem empréstimos habitacionais por conta da baixa taxa de juros. No Feirão da Casa Própria você tem oportunidade de pagar prestações de acordo com sua renda. Também há facilidades para adquirir linhas de créditos para aquisição de veículos, reforma de imóveis e eletrodomésticos.

A CEF possui uma ampla rede de atendimento. São mais de 17 mil pontos em todo o país. Em Embu das Artes, são duas agências e correspondentes bancários (Caixa Aqui e lotéricas), onde é possível realizar operações bancárias, como saque, depósito e pagamento de contas. Algumas unidades funcionam aos finais de semana e feriado, além do horário de atendimento mais amplo.

A Caixa está trabalhando para que os terminais eletrônicos sejam instalados o mais rápido possível na sede da prefeitura. Há possibilidade da instalação de um caixa compartilhado com o Banco do Brasil para facilitar as transações dos clientes de ambos os bancos. O posto de atendimento bancário funcionará no antigo Arquivo da prefeitura e contará com guichês de caixa e sala de espera. A previsão é que ele fique pronto no mês de outubro, por conta das adequações que são necessárias.

Vale ressaltar que os funcionários que não tiverem mais interesse em ser cliente do Banco do Brasil (BB) devem encerrar a conta corrente assim que receber o comunicado da Caixa. Quem tem conta negativa deve, primeiramente, negociar o saldo com o banco. As faturas de cartão de crédito a vencer também devem ser pagas para o BB. Quem tem empréstimo consignado, continuará tendo as parcelas descontadas na folha de pagamento. A Caixa tem interesse em negociar o empréstimo consignado de cada servidor. Se o desconto for em débito em conta e de modalidade que não seja consignado, a mudança não será possível .

Não se esqueça de tirar todas as suas dúvidas com o gerente quando for assinar o documento de abertura de conta. A Caixa está disponibilizando o telefone 11 3206-7114 para que os funcionários possam tirar todas as suas dúvidas.

 

Prefeitura de Embu das Artes assina contrato com a Caixa Econômica Federal

A partir de 30 de setembro, o pagamento dos quatro mil servidores da Prefeitura da Estância Turística de Embu e dos trabalhadores da Frente de Trabalho passa a ser realizado pela Caixa Econômica Federal (CEF). O contrato foi assinado dia 28 de agosto e vale por 60 meses. Todos os funcionários vão receber uma carta da CEF comunicando o dia em que devem comparecer em uma das duas agências da cidade (Centro e Jardim Santo Eduardo, conforme a região onde mora ou trabalha) para assinar o documento de abertura de conta. No local, haverá atendentes preparados exclusivamente para recepcionar os funcionários da prefeitura.

Segundo o secretário de Administração, José Roberto Jorge, os funcionários que não tiverem mais interesse em ser cliente do Banco do Brasil (BB) devem encerrar a conta corrente assim que receber o comunicado da Caixa. Quem tem conta negativa deve, primeiramente, negociar o saldo com o banco. Conta poupança e investimentos continuam no Banco do Brasil. As faturas de cartão de crédito a vencer também devem ser pagas para o BB. Quem tem empréstimo consignado, continuará tendo as parcelas descontadas na folha de pagamento.

Há interesse da Caixa Econômica Federal em transformar o Arquivo, localizado ao lado do antigo imóvel da Guarda Civil Municipal, na sede da prefeitura, em um posto de atendimento bancário, com caixas eletrônicos e sala de espera. Nas Unidades Lotéricas da Caixa também será possível fazer algumas operações, como saque, depósito e pagamento. Além disso, o horário de atendimento é mais amplo em relação às agencias bancárias.

Os funcionários que tiverem dúvidas podem deixar um comentário no final da matéria. Na medida do possível, as perguntas serão respondidas.

Dú&8201;vidas? Deixe um comentário

Daniela Karin
4/9/2009

Comentários

Adicionar seu comentário »

BB & CEF

18/09/2009 10:32| kely

É, a CEF prometeu, mas não cumpriu!!! Eu abri minha conta e não consegui transferir meu empréstimo do BB para CEF. Logo de caaaaara as promessas não estão sendo cumpridas...que pena!!!!!!

Troca de banco

17/09/2009 18:00| Lindomar

Será que os funcionários serão realmente beneficiados? Tenho medo desta troca porque a CAIXA está sempre entupida de gente. Foi realmente pensando nos funcionários que a prefeitura resolveu mudar? Qual o nome do gerente que ganhou com isso? Será só o gerente?

Se a gente não fala, quem fala???

15/09/2009 13:22| Deusdeth e Ana Cristina

Não somos ignorantes. A lei da conta salário para o setor público será obrigatória a partir de jan/2012, enquanto isso o contrato firmado com o banco deverá conter cláusulas que estabeleçam vetação de tarifas, a lei NÃO diz que é somente por um ano. LEIAM res. 3424 do Conselho Monetário Nacional(www.bcb.gov.br/pre/bc_atende/port/salario.asp).

Sem comprovante de residência

13/09/2009 13:09| Maria Idecácia

No momento não tenho como comprovar residência, pois as contas estão em nome de outra pessoa. O que fazer para abrir a nova conta na Caixa? Obrigada.

Informe-se na Caixa Econômica Federal.

Escolha??????

11/09/2009 16:07| tata

Foi dito que poderíamos escolher entre as agências do centro e a do Santo Eduardo, mas recebi hoje a carta de convocação para a agência do centro. O que aconteceu com o direito de escolha?

Informe-se agora na Caixa Econômica Federal. 

Cadê meu nome???

10/09/2009 22:51| Iliene

Gente! Meu nome não consta na planilha de nomes de funcionários... Ou seja, estou em meio ao caos... Espero não ficar sem salário!!! Amanhã mesmo terei que ligar no RH... Como diz o velho ditado: "Se correr o bicho pega e se ficar o bicho come"...

Entre em contato com o Departamento Pessoal, telefone (11) 4785-3556.

prazo para

10/09/2009 20:16| adriana

Estou grávida de 38 semanas, e gostaria de saber se é possivel ir a agência abrir a conta o quanto antes, pois não sei se terei como ir a agência na data marcada.

Fale na agência da CEF de Embu, (11) 3206 7100

Recomendação de Leitura

9/09/2009 13:11| Pedro Gomes

Recomendo aos funcionários que leiam o Artigo 6° da Resolução 3424 do Conselho Monetário Nacional, principalmente o ítem II, no qual consta que é vedada a cobrança de taxa às operações bancárias básicas, o que incluí a transferência total ou parcial dos créditos para outras instituições. Sempre é importante saber sobre abusos e direitos. É isso.

Apesar de os funcionários públicos ainda não terem direito à portabilidade da conta, conforme consta na resolução 3.424, do Conselho Monetário Nacional, a Caixa Econômica Federal oferecerá um ano de conta corrente sem cobrança de taxa de manutenção. Após este período, o cliente ainda terá 20% de desconto na cesta de serviço em que optar.

eu ja tenho uma conta

9/09/2009 11:24| orlando bulhoes

Eu já possuo uma conta corrente na Caixa Economica Federal, mesmo assim terei que abrir outra ou posso receber pela que já possuo em Embu.

Se você já tiver conta corrente em uma das agências da Caixa no Embu (Jardim Santo Eduardo ou Centro) não será necessário abrir uma nova conta. Se a sua conta da Caixa for fora da cidade, terá de abrir uma conta em Embu para receber o pagamento.

E agora??

8/09/2009 21:18| Daniel

Já tenho conta corrente na CAIXA, mas ela não fica no Embu, vou poder usar a mesma, ou terei que abrir outra no Embu?

Se você já tiver conta corrente em uma das agências da Caixa no Embu (Jardim Santo Eduardo ou Centro) não será necessário abrir uma nova conta. Se a sua conta da Caixa for fora da cidade, terá de abrir uma conta em Embu para receber o pagamento.

Só em agências do EMBU?

8/09/2009 20:02| Viviane

A minha agência é no Taboão e a conta é corrente, tenho que abrir outra conta corrente mesmo?

Se você já tiver conta corrente em uma das agências da Caixa no Embu (Jardim Santo Eduardo ou Centro) não será necessário abrir uma nova conta. Se a sua conta da Caixa for fora da cidade, terá de abrir uma conta em Embu para receber o pagamento.

Parabéns pela gestão democratica

8/09/2009 19:34| Cris

Estou P... da vida vou ter q continuar com minha conta no BB por conta do empréstimo , e pagar taxas , impostos de 2 bancos sendo q eu não escolhi nada , não ganho nem dois salarios minimos pra isso e além do mais o atendimento deste banco é muito ruim , Parabéns a esta gestão por deixar seus funcionarios em ultimo plano

A Caixa Econômica Federal se comprometeu a negociar o empréstimo de cada funcionário. No dia da abertura da sua conta corrente, tire todas as dúvidas e negocie sua dívida do Banco do Brasil diretamente com o gerente da Caixa.

Elogio

8/09/2009 18:52| Edson Albanez

ACHO QUE O BANCO ONDE VAMOS RECEBER NÃO IMPORTA, O IMPORTANTE É QUE VAMOS RECER EM DIA COMO TEMOS RECEBIDO NESTES ANOS TODOS DESTA ADMINISTRAÇÃO. PARECE QUE MUITOS SE ESQUECERAM DAS EDMINISTRAÇÃOES ANTERIORES.

O nosso governo já provou que tem respeito pelos servidores. Os salários são pagos sempre em dia, oferecemos uma cesta básica de qualidade e reajustamos os salários, conforme o IPCA.

É LEI! NÃO PODE COBRAR!!!

8/09/2009 16:48| Cláudio Dias

Concordo com a Rosa e com outros que estão surpresos com essa notícia que nos foi imposta. Cliquei no link que foi colocado em resposta ao sr. Jurandir e pude conferir que está EXPLÍCITO na lei que não pode haver cobrança. Espero que vocês saibam o que estão fazendo. Só uma coisa: ninguém aqui é bobo, e com certeza iremos atrás de nossos direitos.

Apesar de os funcionários públicos ainda não terem direito à portabilidade da conta, conforme consta na resolução 3.424, do Conselho Monetário Nacional, a Caixa Econômica Federal oferecerá um ano de conta corrente sem cobrança de taxa de manutenção. Após este período, o cliente ainda terá 20% de desconto na cesta de serviço em que optar.

Dica de leitura:

8/09/2009 16:41| SaraJane

Recomendação de leitura aos servidores municipais: Artigo 6°, parágrafos do I ao III, da Resolução 3424(Conselho Monetário Nacional). Resumindo: Os bancos não podem cobrar por serviços básicos, dentre estes a transferência da quantia para outro banco, da preferência do funcionário. Leiam a resolução e percebam que temos direitos assegurados.

Apesar de os funcionários públicos ainda não terem direito à portabilidade da conta, conforme consta na resolução 3.424, do Conselho Monetário Nacional, a Caixa Econômica Federal oferecerá um ano de conta corrente sem cobrança de taxa de manutenção. Após este período, o cliente ainda terá 20% de desconto na cesta de serviço em que optar.